Rua Haddock Lobo 210 

Tijuca
Rio de Janeiro, RJ 

atendimento@marihalopes.com

www.marihalopes.com

Tel: (21) 99775-0300

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2017 por BBA MKT DIGITAL. 

December 31, 2018

October 2, 2018

September 11, 2018

Please reload

Posts Recentes

Você conhece a Terapia EMDR?

May 19, 2019

1/4
Please reload

Posts Em Destaque

Você aumenta a gravidade das coisas?

February 15, 2018

 

Já sabemos que uma das mensagens da Terapia Cognitiva Comportamental é que os pensamentos, atitudes e crenças que você guarda consigo têm um efeito imenso sobre a sua forma de interpretar o mundo e a maneira como você se sente. Se você está se sentindo mal, então provavelmente você deve estar pensando de forma negativa, ou pelo menos, distorcida.

 

Esses pensamentos distorcidos são apenas deslizes de pensamento que todo mundo tem de vez em quando. Esses pensamentos o levam a tomar direções não recomendadas, tirar conclusões precipitadas e supor sempre o pior. Esses tipos de pensamentos nos fazem desviar do caminho adequado ou induzem à distorções dos fatos. No entanto, você tem a capacidade de parar, olhar para trás, e reavaliar a maneira como você tem pensando.

 

Errar é definitivamente humano. Ou como disse o psicoterapeuta norte-americano Albert Ellis, “Se os marcianos descobrissem a forma de pensar dos seres humanos, eles morreriam de rir”. Vamos entender estes pensamentos distorcidos?

 

Um dos mais comuns é o que chamamos de Catastrofização. É quando nós aumentamos a gravidade das coisas, transformando uma dificuldade em uma impossibilidade, e uma situação difícil em uma catástrofe.

 

Por exemplo: “Meu filho ainda não chegou, deve ter acontecido algo ruim. Esperarei mais um pouco, pois não conseguirei dormir mesmo”;

 

“Meu namorado não atende o celular, deve estar com outra. Tudo está bem entre nós, mas sei que logo começará a me desapontar, pois não chegou ainda”;

 

“Perder o emprego será o fim da minha carreira”;

 

“Eu não suportarei a separação da minha mulher”,

 

“Se eu perder o controle será meu fim”

 

Tags: